Do mocho e da matrioska

No pulso levo sempre a lembrança de ti, sangue que me pulsa nas veias, coração motor da vida.

2 comentários:

B. disse...

agora só levas metade :p

Marisa disse...

LOL, pois, parece que sim. :(